Inovação na Avaliação Psicológica

Vivemos um momento de grande avanço tecnológico, repleto de inovações que têm produzido impacto positivo em muitas áreas da economia, como finanças, saúde, mobilidade urbana, alimentação, hotelaria, logística, entre tantas outras. Sabemos que a tecnologia está modificando, substancialmente, as formas existentes de trabalho e transformando completamente a relação das pessoas com suas profissões.

Psicologia e Tecnologia

A Psicologia não pode ficar de fora de toda essa transformação digital. Ela precisa urgentemente ser high tech, inovar seus métodos e processos, sem deixar de ser high touch, pois não pode prescindir do olhar humano e do interesse genuíno pelo outro. Especificamente, a área da avaliação psicológica pode se beneficiar muito das novas tecnologias, pois se trata de um trabalho que é sistemático, realizado quase que “artesanalmente” pelos psicólogos. Ocorre que o trabalho do psicólogo que realiza avaliações psicológicas é, ainda, predominantemente analógico.

avaliação psicológica

Percebo que muitos aspectos técnicos da avaliação psicológica evoluíram, mas os tecnológicos, não acompanharam essa evolução. Sou psicóloga e, por muito tempo, trabalhei com avaliações psicológicas. A avaliação psicológica é uma área instigante, que exige o teste de hipóteses, uma investigação clínica abrangente, a integração de resultados até a emissão de um documento que pode subsidiar a tomada de decisão clínica em muitos âmbitos, como por exemplo, a permissão para dirigir, manuseio de arma de fogo, trabalho em ambientes de risco, entre outras.

A avaliação psicológica envolve um trabalho rigoroso e complexo. Requer perspicácia e perícia do psicólogo. Nestes anos de atuação, sempre sofri com a falta de inovação no campo. Boa parte do tempo, que deveria ser prioritariamente dedicado ao raciocínio clínico, era consumido pela falta de tecnologia. Avaliações feitas em papel, levantamento manual de testes, integração de resultados de diferentes testes — num eterno “Ctrl+C, Ctrl+V”, formatação de laudo…Essa ainda é a realidade de muitos profissionais. Todas essas barreiras culminam em um investimento maior de tempo, de recursos, maior estresse e, como consequência, menores ganhos financeiros e falta de precisão nos resultados.

avaliação psicológica

 

Como professora e pesquisadora também testemunhei outras dificuldades na área da avaliação psicológica. Ao realizar um processo de avaliação psicológica, muitas vezes, o psicólogo se depara com a falta de orientação técnica e dificuldades de execução. Como escolher os testes mais adequadosQuais os tópicos que devem ser abordados na entrevista clínica para cada finalidade de avaliação (ex. trânsito, manuseio de arma de fogo, risco psicossocial, etc)? Como levantar resultados, interpretá-los e produzir um laudo de forma mais ágil e com informações relevantes?

Geralmente, os dados obtidos por meio dos testes e entrevista não são sistematizados. Isso gera dificuldades em comparar resultados longitudinalmente, analisar dados populacionais e desenvolver relatórios técnicos. Em geral, psicólogo não possui controle administrativo de seu trabalho, tornando o processo mais lento, menos organizado e menos preditivo.

Conheça a AVAX Psi

Pensando em tudo isso, nasceu a ideia de desenvolver uma plataforma de gestão de avaliações psicológicas, chamada AVAX Psi. O “X” do nome AVAX, como em uma equação, sugere os vários tipos de avaliação psicológica existentes. Por meio da plataforma, o psicólogo poderá realizar diferentes avaliações, como avaliação de risco psicossocial, para manuseio de arma de fogo, de trânsito, psicodiagnóstico, entre outras. Nosso intuito é que, com o tempo, a plataforma se especialize em cada área da avaliação psicológica, no sentido de fornecer insights e subsídios técnicos para que o psicólogo possa trabalhar de forma precisa, baseada em evidências.

 

avaliação psicológica

A AVAX agrega eficiência e confiabilidade ao processo avaliativo, favorecendo a segurança e o sigilo dos dados coletados. Permite que o psicólogo otimize o processo de avaliação e a confecção do laudo, tendo também, maior controle administrativo do processo. A plataforma alia tecnologia à gestão da informação colhida nas avaliações psicológicas. Isso é muito bacana, não é?

Sim, mas temos que enfrentar a arrebentação, antes de desfrutarmos de águas serenas. Como psicólogos precisamos vencer a barreira do costume, do conservadorismo. Por um lado, desejamos inovações, vibramos com as descobertas científicas e queremos desfrutar de soluções que facilitem nosso trabalho. Mas, por outro, gastamos tempo demais reclamando sobre como as coisas deveriam ser! Diante da novidade, há uma certa resistência em abandonar os velhos hábitos, podemos sentir receio do quanto seremos hábeis em lidar com esses avanços todos. Mas, o futuro chegou a galope e exige abertura perante o novo!

Diante do novo, nosso maior desafio é formar uma onda de impacto positivo em nossa área. Precisamos ousar e sermos “disruptivos” na forma de nos relacionarmos com nossa profissão. Se avaliação psicológica é analógica, por que não torná-la digital? Ao experimentar o novo, estaremos criando uma cultura inovadora, que favorecerá o crescimento de nossa área como ciência e transformará nossa relação com os dados que produzimos. Poderemos extrair conhecimento deles, que deixarão de ser meros documentos engavetados!

 

A AVAX constitui um primeiro passo na direção de uma cultura inovadora na psicologia, de data driven — tornando as decisões mais precisas e objetivas por estarem baseadas em dados, não em intuição. Para que ela de desenvolva, trazendo mais eficiência aos processos avaliativos, precisamos topar o desafio de fazer diferente. Devemos vencer a resistência de fazer tudo sempre igual!

 

E você, o que acha? Quer experimentar? Clique aqui e saiba mais! Lembrando que cliente PsicoManager tem desconto na plataforma! Acesse e confira

 

Dra. Ana Carolina Peuker é CEO e co-founder da Bee Touch, uma digital health startup que alia tecnologia à gestão de riscos e comportamentos em saúde.